Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do exercício físico (natação) nos marcadores de estresse oxidativo na prenhez de ratas

Processo: 08/00467-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2008
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Saúde Materno-infantil
Pesquisador responsável:Iracema de Mattos Paranhos Calderon
Beneficiário:Francine Aparecida Vasques Silva
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Antioxidantes   Estresse oxidativo   Exercício físico   Natação   Prenhez

Resumo

Objetivo: avaliar o efeito do exercício físico (natação), praticado do 7o ao 20º dia da prenhez, nos resultados de estresse oxidativo materno de ratas com diabete grave (glicemia >300 mg/dL). Materiais e métodos: serão utilizadas 60 ratas Wistar em idade reprodutiva (90 dias de vida), aleatorizadas em quatro grupos (n= 15 animais / grupo): G1 - ratas não-diabéticas sedentárias (n=15); G2- ratas diabéticas sedentárias (n=15); G3 - ratas não-diabéticas submetidas ao exercício (natação) (n=15) e G4 - ratas diabéticas submetidas ao exercício (n=15). Nos grupos diabéticos (G2 e G4) o diabete será induzido por Streptozotocin na dose de 40mg/Kg de peso. Os grupos não-diabéticos (G1 e G3) receberão veículo. A glicemia será avaliada após sete dias da indução do diabete. Para compor os grupos os grupos diabéticos serão considerados animais com glicemia superior a 300mg/dL, confirmando o diabete grave. As ratas serão então acasaladas e os animais dos grupos com exercício (G3 e G4) iniciarão o programa de natação que será realizado do 7º até o 20º dia de prenhez. Na prenhez, as glicemias plasmáticas de todas as ratas serão avaliadas nos dias zero, 7º, 14º e 21º. Na manhã do 21º dia, todas as ratas serão anestesiadas e submetidas a dessangramento. O sangue coletado será utilizado para análise dos marcadores de estresse oxidativo. Os resultados serão estatisticamente analisados para comparação entre as médias e proporções dos grupos e estabelecimento das possíveis relações entre valores normais ou alterados das diferentes variáveis. Para todas as comparações estatísticas será considerado limite mínimo de significância de 95% (p<0,05). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)