Busca avançada
Ano de início
Entree

Levantamento e censo de aves e mamíferos cinegéticos no Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (PETAR), SP

Processo: 07/00281-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2007
Vigência (Término): 30 de abril de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Mauro Galetti Rodrigues
Beneficiário:Fernanda de Almeida Meirelles
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Assunto(s):Caça   Censos   Mata Atlântica

Resumo

Atualmente existe muita controvérsia sobre a maneira mais eficiente para a conservação de ecossistemas tropicais e, em particular, sobre o papel que áreas protegidas desempenham para atingir esse objetivo. Todas as Unidades de Conservação (UC’s) que restaram na Mata Atlântica se encontram isoladas, restando poucos blocos de floresta “contínuos”, ou seja com uma área que pode suportar a maioria dos vertebrados de grande porte e suas interações ecológicas. Porém, além de isoladas, as UCs sofrem diversos efeitos sinergísticos, como introdução de espécies exóticas, caça, fogo, corte seletivo de palmito-juçara, infiltração de estradas de rodagens e invasões humanas. A Serra de Paranapiacaba, no Estado de São Paulo ainda abriga uma parcela significativa de floresta atlântica que originalmente se estendia ao longo da costa do Brasil. Esse projeto pretende avaliar o estatus das populações de aves e mamíferos no Parque Estadual Turístico do Vale do Ribeira (PETAR) através de transecções lineares. Apesar dessa área estar conectada com mais dois outros parques de grande porte (Intervales e Carlos Botelho), não sabemos se este mantém grandes populações de aves e mamíferos cinegéticos. A conservação da Mata Atlântica depende da conservação desse grande bloco de floresta e é imperativo termos informações biológicas desta área.Palavras-chave: Mata Atlântica, conservação, espécies ameaçadas, caça, corredores de fauna, SIG.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.