Busca avançada
Ano de início
Entree

Preparação e caracterização de sensores poliméricos para análise de sucos naturais

Processo: 02/13858-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2003
Vigência (Término): 31 de julho de 2007
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Fernando Josepetti Fonseca
Beneficiário:Leonardo Giordano Paterno
Instituição-sede: Embrapa Instrumentação Agropecuária. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Brasil). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:01/13745-7 - Desenvolvimento de sensores poliméricos para aplicações na agroindústria e meio ambiente, AP.TEM
Auxílio(s) vinculado(s):03/11173-1 - Preparação e caracterização de sensores poliméricos para análise de sucos naturais, AP.PRIM
Assunto(s):Filmes finos   Polímeros (materiais)   Qualidade dos alimentos   Sucos de frutas

Resumo

Este projeto de pós-doutorado tem como objetivos a preparação e a caracterização de sensores poliméricos para análise de sucos naturais. Os sensores serão baseados em filmes ultrafinos de poli(o-etoxianilina) produzidos por automontagem, depositados sobre microeletrodos interdigitados de ouro. Os filmes produzidos serão caracterizados por métodos espectroscópicos (Infravermelho e ultravioleta-visível), microscópicos (eletrônica de varredura e de força atômica) e de comportamento elétrico (condutividade DC e impedância AC). O comportamento elétrico de polímeros condutores, como a poli(o-etoxianilina), pode variar em função do ambiente ao qual o polímero é exposto e esta variação pode ser precisamente medida e correlacionada com as substâncias presentes no ambiente em estudo. Nesse sentido muitas pesquisas têm sido direcionadas para a utilização desses polímeros em sensores, atuando tanto como material sensível quanto como transdutor e suporte para o ancoramento de moléculas sensitivas (p. ex. proteínas, enzimas, etc.). Os sensores produzidos neste trabalho serão então utilizados para a caracterização de sucos naturais (laranja, uva e maracujá), quanto ao seu paladar, avaliando-se o teor de sacarose e acidez do suco, baseado em medidas de impedância elétrica. Os resultados obtidos nesta etapa serão correlacionados com as características físico-químicas dos sucos, como umidade, teor de cinzas e sais minerais, avaliadas por métodos convencionais de análise química. (AU)