Busca avançada
Ano de início
Entree

Corredores florestais como habitat para o roedor endêmico Brucepattersonius soricinus: avaliação da variação da estrutura da vegetação e da disponibilidade de recursos alimentares em uma paisagem fragmentada de Mata Atlântica

Processo: 06/59459-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2006
Vigência (Término): 30 de novembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Renata Pardini
Beneficiário:Thais Kubik Martins
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:05/56555-4 - Diversidade de mamíferos em paisagens fragmentadas no Planalto Atlântico de São Paulo, AP.JP
Assunto(s):Mata Atlântica   Corredores ecológicos   Fragmentos florestais   Roedores   Mamíferos

Resumo

Os corredores que são estruturas lineares da paisagem que diferem das unidades vizinhas e que ligam pelo menos dois fragmentos de habitat que estiveram anteriormente unidos, vêm sendo foco de estratégias de conservação, pois, teoricamente, amenizam os efeitos da fragmentação poucos estudos foram realizados enfocando a efetividade de corredores em Mata Atlântica. Sabe-se que a abundância e a distribuição de espécies de pequenos mamíferos são influenciadas pela disponibilidade de recursos alimentares, principalmente frutos e artrópodes e pela estrutura da vegetação. O objetivo do trabalho é avaliar a importância destes corredores quanto a estrutura da vegetação e disponibilidade de recursos alimentares e avaliar a importância destes corredores como habitat para uma espécie de roedor terrestre, Brucepattersonius soricinus, em uma paisagem fragmentada de Mata Atlântica. A presença e abundância da espécie, a estrutura da vegetação e a oferta alimenta serão amostradas em quatro sistemas, cada um dos quais composto por dois fragmentos conectados por corredor e circundado por áreas abertas de matriz do entorno. (AU)