Busca avançada
Ano de início
Entree

Busca de potenciais candidatos vacinais proteicos contra Leptospira interrogans serovar Copenhageni

Processo: 01/06556-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2001
Vigência (Término): 30 de setembro de 2003
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Ana Lucia Tabet Oller Do Nascimento
Beneficiário:Marcia Gamberini
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Vacinas   Biotecnologia   Lipoproteínas   Leptospirose

Resumo

A leptospirose é uma zoonose bastante disseminada que pode levar a um amplo quadro de manifestações clínicas em humanos. É causada pela bactéria espiroqueta, do gênero Leptospira, sendo que no Brasil 80% dos casos diagnosticados são devido a Leptospira interrogans serovar Copenhageni. Anualmente são relatados à FUNASA/MS cerca de 10.000 casos, com surtos epidêmicos na época das chuvas. O desenvolvimento de uma vacina torna-se importante, pois não há, até o momento, uma vacina licenciada para uso humano. O projeto propõe identificar alvos potenciais a partir de seqüências do genoma de Leptospira interrogans serovar Copenhageni (AEG/ONSA/FAPESP), para o futuro desenvolvimento de uma vacina recombinante contra leptospirose. Serão selecionados 10 genes candidatos que codifiquem para proteínas expostas e/ou associadas à membrana. Estes genes serão amplificados a partir do DNA genômico de L. interrogans, clonados em vetores de expressão de mamífero e de E. coli. As proteínas expressas no sistema bacteriano serão purificadas por cromatografia de afinidade a metal. Antissoros policlonais serão obtidos através de vetores de expressão em mamífero. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.