Busca avançada
Ano de início
Entree

Localização da síntese e quantificação do óxido nítrico em Catasetum fimbriatum (Orchidaceae) e o envolvimento com a nitrato redutase, atividade meristemática radicular e a conversão em gemas vegetativas

Processo: 08/51835-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2008
Vigência (Término): 31 de julho de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Fisiologia Vegetal
Pesquisador responsável:Gilberto Barbante Kerbauy
Beneficiário:Priscila Miki Satake
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Nitrato redutase   Óxido nítrico   Raízes e tubérculos alimentícios   Crescimento vegetal

Resumo

Dado o elevado grau de instabilidade do óxido nítrico (NO), a compreensão de suas funções nas plantas tem experimentado limitações profundas. Apesar disso, estudos recentes apontam-no como molécula mediadora importante em vários processos de crescimento e desenvolvimento. Há fortes evidências do papel da nitrato redutase (NR) na sua síntese. O material de estudo, Catasetum fimbriatum (Orchidaceae), apresenta a capacidade de converter diretamente seu meristema apical radicular (MAR) em gemas vegetativas, processo esse que pode ocorrer rapidamente após o isolamento do ápice radicular da planta-mãe, desde que a competência para indução de tal evento já tenha se instalado. O total ganho de competência só ocorre quando a raiz atinge seu crescimento máximo. Estudos indicam que o NO possui papel relevante no desenvolvimento radicular, atuando no estabelecimento do crescimento determinado, influenciando assim o processo de ganho de competência e conversão do MAR. O presente projeto visa estudar o papel dessa nova molécula sinalizadora, tanto sobre o controle da atividade meristemática radicular e sua conversão, quanto da contribuição relativa da NR para sua produção e de sua localização in situ nos tecidos radiculares de C. fimbriatum. Devido ao comportamento excepcional dessa orquídea, será quantificada a produção de NO (utilizando um ensaio da NR in vitro para a quantificação da emissão de NO por quimiluminescência) durante o seu envelhecimento radicular, quando ocorrem as modificações fisiológicas e morfológicas para o ganho de competência do MAR para a conversão em gemas caulinares. Em paralelo, a fim de se analisar as mudanças fisiológicas e fisiológicas da carência de NO serão realizados tratamentos com tungstato (inibidor da NR). A localização nos tecidos será feita utilizando-se DAF-2DA. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)