Busca avançada
Ano de início
Entree

Tolerância ao estresse por déficit hídrico em acessos Brachiaria brizantha

Processo: 07/06749-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2007
Vigência (Término): 30 de novembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Pastagens e Forragicultura
Pesquisador responsável:Patricia Menezes Santos
Beneficiário:Jonas Altoé
Instituição-sede: Pecuária Sudeste. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Brasil). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Fisiologia vegetal   Estresse abiótico

Resumo

O conhecimento da resposta de acessos de Brachiaria brizantha ao estresse por déficit hídrico auxiliará no desenvolvimento de gramíneas forrageiras mais eficientes no uso da água proporcionando menor estacionalidade de produção (nas regiões em que a temperatura, fotoperíodo e luminosidade não sejam limitantes) e redução necessidade de água por unidade de carne produzida. O objetivo deste projeto é avaliar e classificar cinco acessos de B. brizantha quanto ao grau de adaptação ao estresse por déficit hídrico. O experimento será conduzido em casa-de-vegetação seguindo delineamento em blocos completos ao acaso com arranjo em fatorial 2x5 (com ou sem estresse x cinco acessos de B. brizantha). Após o estabelecimento, a irrigação dos vasos do tratamento com estresse hídrico será suspendida, enquanto os vasos do tratamento testemunha (sem estresse hídrico) continuarão sendo irrigados até 80% da capacidade de campo. A coleta final será feita quando as folhas mais velhas das plantas sob condições de estresse secarem. As seguintes variáveis serão avaliadas: potencial hídrico nas folhas; taxa de alongamento foliar; massa seca de lâminas foliares, de hastes + pseudo-hastes e de raízes; comprimento, largura máxima e área foliar. Os dados serão submetidos a uma análise de variância considerando como fontes de variação os efeitos de bloco, de acessos e de condição hídrica. Na comparação múltipla da médias será adotado o teste de Tukey, ao nível de significância de 5%.