Busca avançada
Ano de início
Entree

Caes domesticos em uma paisagem fragmentada: abundancia e uso de habitats na zona zural de sao luiz do paraitinga (sp).

Processo: 04/07008-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2004
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia
Pesquisador responsável:Paulo Inácio de Knegt López de Prado
Beneficiário:Patricia Carignano Torres
Instituição-sede: Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais (NEPAM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Impactos ambientais

Resumo

Há uma percepção crescente de que a conservação de áreas é um processo político e social, e que, portanto exige a integração da ecologia com as ciências sociais. É preciso então, conhecer a ação humana para entender o estado de conservação de uma área. Uma das ações humanas que tem ameaçado as comunidades ecológicas e biodiversidade global é a aceleração da introdução de espécies em ambientes onde elas não costumavam ocorrer. O cachorro doméstico (Canis familiaris) foi um dos animais introduzidos e que facilmente se adaptou onde quer que o homem tenha se fixado. Em várias situações cães tem atuado como uma espécie invasora (exótica), perturbando e modificando ecossistemas nativos. Também podem causar impacto em ambientes urbanos, geralmente ligados à saúde pública. Dada a sua possível ação negativa em ecossistemas e o escasso conhecimento sobre sua ecologia, este projeto tem como objetivo obter os dados ecológicos básicos da população de cachorros em duas áreas rurais de São Luiz do Paraitinga - SP, uma vez que esses dados essenciais inexistem. Seriam eles: a estimativa do tamanho de sua população (censo), o mapeamento da área de uso dos animais e a caracterização de seu regime de manejo pela população humana com a qual se relacionam. Com esses dados básicos será possível formular hipóteses sobre esses efeitos para estudos futuros. (AU)