Busca avançada
Ano de início
Entree

Analise da expressao de antigenos cancer/testiculo (cts) em pacientes com mieloma multiplo.

Processo: 09/50237-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2009
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Andre Luiz Vettore de Oliveira
Beneficiário:Bruno Takao Real Karia
Instituição-sede: Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Assunto(s):Expressão gênica   Mieloma múltiplo

Resumo

O mieloma múltiplo (MM) é uma neoplasia maligna secundária à expansão clonal de células plasmáticas caracterizada pela presença de imunoglobulina monoclonal no sangue e/ou na urina, lesões líticas ósseas e infiltração de plasmócitos monoclonais na medula óssea. A caracterização dos mecanismos responsáveis pela expansão das células tumorais do MM é difícil e envolve uma série de alterações genéticas e mudanças no microambiente da medula óssea, favorecendo o crescimento do tumor e a falha do sistema imune em reconhecê-lo. O MM é uma doença incurável, sendo a sobrevida mediana dos pacientes em torno de 3-5 anos. Terapias atuais como quimioterapia e transplante autólogo de células tronco podem induzir remissão da doença, mas a recaída e morte são inevitáveis. Os antígenos específicos câncer/testículo (CTs) foram originalmente descritos em pacientes com melanoma e são assim denominados, pois suas proteínas foram identificadas em espermatogônias, células conhecidas por não expressarem antígenos de histocompatibilidade (HLA), o que as impossibilita de desencadear uma resposta imune específica. Esses antígenos foram identificados posteriormente em vários tipos de tumores humanos, como melanoma, carcinoma pulmonar, câncer renal, entre outros. Até o momento existem poucas informações a respeito de sua importância como fatores de prognóstico clínico ou relacionado à proliferação aberrante das células plasmáticas. Assim, os objetivos deste projeto são: 1) Avaliar o nível de expressão gênica dos antígenos câncer/testículo MAGEC1(CT7), MAGEA3/6, LAGE-1, NY-ESO-1 e GAGE em amostras de aspirado de medula óssea total. 2) Avaliar a presença imunidade humoral espontânea contra esses antígenos em amostras de pacientes com MM ao diagnóstico. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa: