Busca avançada
Ano de início
Entree

Displasia do occipital: avaliação radiográfica do forame magno em cães das raças Poodle Miniatura e Yorkshire terrier

Processo: 06/06437-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2007
Vigência (Término): 31 de agosto de 2007
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Ana Carolina Brandão de Campos Fonseca Pinto
Beneficiário:Carina Outi Baroni
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Forame magno   Diagnóstico por imagem   Cães

Resumo

A displasia do occipital é considerada como uma alteração do forame magno, caracterizada por um aumento deste e pela variação da sua forma e tamanho. O osso occipital pode estar mais adelgaçado que o normal e a primeira vértebra cervical pode se apresentar encurtada. Os animais podem ser assintomáticos ou apresentar sinais clínicos variados, como: ataxia, dor cervical, convulsão, mudança de comportamento, disfagia, depressão, cegueira e estrabismo. A pesquisa visa avaliar radiograficamente o formato do forame magno, de 30 animais sem alterações clínicas das raças Poodle miniatura e Yorkshire terrier, sendo 15 de cada, com a intenção de padronizar os aspectos radiográficos do forame, contribuindo para o diagnóstico da displasia do occipital. O projeto será realizado num período de 8 meses, compreendido entre Novembro de 2006 a Julho de 2007.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.