Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterizacao das composicoes isotopicas re - os das mineralizacoes auriferas do quadrilatero ferrifero, mg.

Processo: 05/50391-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2005
Vigência (Término): 30 de setembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências
Pesquisador responsável:Colombo Celso Gaeta Tassinari
Beneficiário:Jason Donald Kirk
Instituição-sede: Instituto de Geociências (IGC). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Metalogênese   Quadrilátero Ferrífero   Geoquímica isotópica   Ouro   Geocronologia

Resumo

O Grupo Nova Lima, que constitui a unidade basal do Supergrupo Rio das Velhas, e ocorre na área do Quadrilátero Ferrífero em Minas Gerais, hospeda os mais importantes depósitos de ouro do Brasil. A origem e as idades das mineralizações nos grandes depósitos auríferos é ainda controversa, devido a complexa história geológica da região caracterizada por evolução tectono-magmática polimetamórfica e policíclica e a falta de uma completa caracterização das fontes dos metais formadores do minério e das idades absolutas do ouro e dos sulfetos associados. Neste projeto é proposto o estudo visando o estabelecimento da idade e das fontes das mineralizações auríferas do Quadrilátero Ferrífero, através da aplicação da sistemática isotópica Re-Os diretamente sobre amostras de ouro e de sulfetos cogenéticos. Adicionalmente, os dados isotópicos Re-Os obtidos serão comparados com outros dados obtidos por outras sistemáticas geocronológicas como Rb-Sr, Sm-Nd, Pb-Pb e U-Pb para as mesmas amostras ou de amostras similares, a fim de se conhecer melhor o comportamento do sistema isotópico Re-Os em sulfetos afetados por eventos metamórficos e hidrotermais posteriores, bem como da temperatura de fechamento deste sistema em mineralizações de ouro do tipo "lode", uma vez que isto até o momento não é muito bem compreendido. (AU)