Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da resistência adesiva da interface sistema adesivo autocondicionante de 2 passos/dentina em dentes submetidos ao clareamento dental interno ativado pelo sistema LED-laser

Processo: 09/09544-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2009
Vigência (Término): 31 de outubro de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Melissa Andreia Marchesan
Beneficiário:João Felipe Bonatto Bruniera
Instituição-sede: Universidade de Ribeirão Preto (UNAERP). Campus Ribeirão Preto. Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Clareamento de dente   Adesividade

Resumo

O objetivo deste estudo será avaliar ex vivo a influência da dentina intracoronária submetida ao clareamento dental com diferentes géis de peróxido de hidrogênio ativados pelo sistema LED-laser sobre a resistência adesiva do sistema adesivo autocondicionante de passo único utilizado na restauração de dentes tratados endodonticamente, por meio do teste de cisalhamento e posterior análise do tipo de falha por meio de lupa estereoscópica. Trinta fragmentos de dentina intracoronária (25 mm2) serão incluídos em resina acrílica e divididos em 3 grupos (n=10): G1- não clareados; G2- clareados com peróxido de hidrogênio a 35% da Whiteness HP Maxx; G3- clareados com peróxido de hidrogênio 38% da Opalescence Xtra. O gel será aplicado na superfície e ativado com LED-laser por 45 s, aguardando-se 5 minutos para remoção do gel. Este protocolo será repetido 3 vezes, em sessão única. Decorridos 14 dias, os espécimes receberão aplicação de adesivo do sistema autocondicionante de 2 passos Clearfill SE bond (Kuraray Medical INC., Kurashiki, Okayama, Japão) seguido de resina Filtek Z100 e, após 24 h, serão submetidos ao teste de cisalhamento em máquina universal de ensaios (2 kN e 0,5 mm/min) até o deslocamento da restauração. Os valores de deslocamento anotados e submetidos à análise estatística com o Programa Instat 3 para verificar se existe diferença estatisticamente significante entre os grupos (±=0,05). Segui-se-á análise qualitativa em lupa esterioscópica para verificar-se o tipo de falha ocorrida: adesiva, coesiva ou mista.