Busca avançada
Ano de início
Entree

Instabilidades temporais na reação de eletrooxidação de metanol sobre platina

Processo: 05/02409-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2005
Vigência (Término): 30 de setembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química
Pesquisador responsável:Hamilton Brandão Varela de Albuquerque
Beneficiário:André Luis Martins
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Eletrocatálise   Auto-organização   Metanol

Resumo

Sob o ponto de vista energético, a eletrooxidação de metanol é certamente uma das reações mais importantes em eletrocatálise e vem sendo vastamente estudada. Por outro lado, poucas são as contribuições devotadas ao entendimento dos processos envolvendo auto-organização temporal nessa reação quando conduzida sob algumas condições. O presente projeto de iniciação científica tem como objetivo investigar sistematicamente os processos não-lineares presentes na reação de eletrooxidação de metanol sobre eletrodos policristalinos de platina. Ênfase será dada à identificação das condições nas quais oscilações são observadas, assim como ao estudo do impacto das condições experimentais nos padrões temporais. Tomando como base as diferentes etapas envolvidas no mecanismo genérico sugerido para a eletrooxidação de metanol sobre platina, a estratégia experimental prevê o estudo do efeito na dinâmica oscilatória da variação de parâmetros como concentração de metanol, composição / concentração do eletrólito de suporte, temperatura e valor da resistência colocada em série entre o eletrodo de trabalho e o potenciostato. A interface será estudada tanto sob controle potenciostático quanto galvanostático e a variação de massa na superfície do eletrodo será investigada através da nanobalança eletroquímica a cristal de quartzo. (AU)