Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade e estrutura da comunidade arbóreo-arbustiva em um fragmento de Mata Atlântica no Rio de Janeiro: efeitos da distância em relação as bordas antrópicas e naturais

Processo: 02/01802-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2002
Vigência (Término): 31 de março de 2004
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Flavio Antonio Maës dos Santos
Beneficiário:Maira Taquiguthi Ribeiro
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Fitossociologia   Diversidade   Fragmentação   Mata Atlântica

Resumo

Atualmente, restam 5% da cobertura original de Mata Atlântica no Brasil, distribuídos em fragmentos. Na borda destes, ocorrem mudanças microclimáticas que podem acarretar mudanças na estrutura da floresta e, conseqüentemente, na riqueza e diversidade da comunidade vegetal. Em bordas naturais, como limites entre florestas e rios, diferenças microclimáticas e da estrutura da comunidade arbórea também, podem ocorrer. Este estudo pretende comparar a riqueza, equabilidade e diversidade de espécies arbóreas entre o interior da floresta e bordas antrópica e natural, bem como comparar os parâmetros fitossociológicos da comunidade e a estrutura de tamanho dos indivíduos entre estes três ambientes. O estudo será realizado em um fragmento florestal no município de Saquarema, Rio de Janeiro (22°50'S e 42°28'W), onde serão estabelecidas 5 áreas de cada ambiente estudado (interior de floresta, borda antrópica e borda natural). Em cada área serão instaladas 5 parcelas de 10x1 Om, totalizando 0,75ha de amostra. Os indivíduos vegetais com perímetro à altura do peito maior ou igual à 15cm serão etiquetados, coletados e terão a altura e o perímetro medidos. Serão estimadas a riqueza, a diversidade (H) e a equabilidade (J) e serão calculados os parâmetros fitossociológicos. Será construída a distribuição de tamanho para cada ambiente e será feita uma análise de similaridade florística entre os ambientes. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RIBEIRO, MAIRA TAQUIGUTHI; RAMOS, FLAVIO NUNES; MAES DOS SANTOS, FLAVIO ANTONIO. TREE STRUCTURE AND RICHNESS IN AN ATLANTIC FOREST FRAGMENT: DISTANCE FROM ANTHROPOGENIC AND NATURAL EDGES. Revista Árvore, v. 33, n. 6, p. 1123-1132, NOV-DEC 2009. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.