Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização molecular da paracoccina de Paracoccidioides brasiliensis, adesina que se liga à N-acetil-glicosamina e interfere nas funções de macrófagos do hospedeiro

Processo: 06/50694-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2006
Vigência (Término): 31 de maio de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunoquímica
Pesquisador responsável:Maria Cristina Roque Antunes Barreira
Beneficiário:Ebert Seixas Hanna
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/60642-2 - Efeitos biológicos e aplicações farmacêuticas de lectinas, AP.TEM
Assunto(s):Paracoccidioides brasiliensis   Lectinas   Pichia pastoris

Resumo

Paracoccidioides brasiliensis é o agente etiológico da Paracoccidioidomicose, micose profunda de maior prevalência na América Latina. Dentre os fatores próprios do fungo capazes de aumentar sua patogenicidade são mencionados lípides, polissacarídeos e glicoproteínas. Uma lectina de P. brasiliensis denominada paracoccina (70 kDa), com afinidade por N-acetil glicosamina, foi identificada e localizada na superfície celular. Esta lectina possui capacidade de contribuir para a adesão do fungo à matriz extracelular e de induzir macrófagos a produzirem TNF-a e altas concentrações de NO. Tais características justificam o investimento de esforços em sua caracterização molecular detalhada, através do cumprimento das seguintes metas: isolar da biblioteca de cDNA de P. brasiliensis, o gene que corresponde ao codificador da paracoccina; seqüenciar esse gene e expressar a paracoccina em leveduras de Pichia pastoris. As preparações de paracoccina recombinante possibilitarão estudos mais detalhados sobre essa lectina, tais como: caracterizá-la por eletroforese bidimensional e imunoblot; ensaiar sua propriedade de ligação à laminina; investigar seu papel na fagocitose de leveduras por macrófagos peritoneais murinos; estudar sua capacidade de induzir a liberação de NO e TNF-a por macrófagos e caracterizá-la estruturalmente, visando estabelecer a relação estrutura-função e estrutura/propriedade. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
OLIVEIRA, ALINE FERREIRA; CARDOSO, SILVIA ALMEIDA; DOS REIS ALMEIDA, FAUSTO BRUNO; DE OLIVEIRA, LEANDRO LICURSI; PITONDO-SILVA, ANDRE; SOARES, SANDRO GOMES; HANNA, EBERT SEIXAS. Oral immunization with attenuated Salmonella vaccine expressing Escherichia coli O157:H7 intimin gamma triggers both systemic and mucosal humoral immunity in mice. MICROBIOLOGY AND IMMUNOLOGY, v. 56, n. 8, p. 513-522, AUG 2012. Citações Web of Science: 20.
DOS REIS ALMEIDA, FAUSTO BRUNO; DE OLIVEIRA, LEANDRO LICURSI; DE SOUSA, MARCELO VALLE; ROQUE BARREIRA, MARIA CRISTINA; HANNA, EBERT SEIXAS. Paracoccin from Paracoccidioides brasiliensis; purification through affinity with chitin and identification of N-acetyl-beta-D-glucosaminidase activity. YEAST, v. 27, n. 2, p. 67-76, FEB 2010. Citações Web of Science: 17.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.