Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do estresse na estimulação da atividade locomotora induzida pela cafeína

Processo: 06/52327-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2006
Vigência (Término): 30 de junho de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Neuropsicofarmacologia
Pesquisador responsável:Cleopatra da Silva Planeta
Beneficiário:Roberta Zancheta
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Estresse crônico   Cafeína   Locomoção   Transtornos de estresse traumático agudo

Resumo

A cafeína é a substância psicoativa mais consumida no mundo e, embora ainda seja controverso existem evidências de que ocorre o desenvolvimento de dependência dessa substância. A cafeína apresente ações comportamentais e neuroquímicas semelhantes a outros psicostimulantes como, por exemplo, cocaína e anfetamina. O estresse tem sido destacado como um fator importante na iniciação, manutenção e recaída do consumo de psicostimulantes. Foi demonstrado também que a exposição a estresse crônico aumenta a locomoção induzida por anfetamina ou cocaína. Os estudos que visaram investigar o efeito do estresse na atividade motora induzida pela cafeína utilizaram doses muito altas (30 a 120 mg/kg) que são caracterizadas por causarem incoordenação motora, inibição comportamental (acima de 30 mg/kg) e não refletirem as doses normalmente consumidas por humanos. Além disso, não há estudos na literatura consultada que distinguem as alterações do estresse agudo e frônico nos efeitos comportamentais induzido pela cafeína. O objetivo do presente estudo é investigar os efeitos do estresse agudo e crônico na estimulação psicomotora induzida por baixas doses de cafeína em ratos adultos. Para tanto os animais serão expostos 10 dias a estresse por imobilização. Três dias após a última exposição ao estresse os animais receberão injeção intra-peritoneal de cafeína (10 mg/kg) ou salina. Imediatamente após as injeções s atividade locomotora será registrada por 30 minutos. (AU)