Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do tratamento crônico com acetona sobre os níveis de vitamina E, glutationa reduzida e peroxidação lipídica

Processo: 06/57850-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2006
Vigência (Término): 30 de novembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Bioquímica da Nutrição
Pesquisador responsável:Alceu Afonso Jordão Junior
Beneficiário:Bianca Bellizzi de Almeida
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Corpos cetônicos   Acetona   Vitamina E   Glutationa   Peroxidação de lipídeos   Modelos animais

Resumo

A acetona é um dos três corpos cetônicos produzidos pelo organismo quando se utiliza a dieta cetogênica ou em estados de catabolismo energético (jejum) e induz mudanças metabólicas como cetose, alteração nos eletrólitos, elevação dos lipídios plasmáticos e alterações no sistema antioxidante. O estado metabólico que ocorre durante o jejum resulta em produção elevada de corpos cetônicos e aumento na atividade de diversas espécies de citocromo P450. Os corpos cetônicos poderiam ser os indutores comuns da oxidação peroxissomal e microssomal de ácidos graxos nesses estados metabólicos (jejum e catabolismo energético). Diante do exposto, o presente estudo objetiva a verificação dos efeitos da acetona sobre o sistema antioxidante hepático em ratos tratados cronicamente com acetona. Para tanto 2 grupos de ratos serão utilizados, a saber: Controle e Tratamento Crônico (solução aquosa de acetona numa concentração de 5% (m/v) por 28 dias). Após o período experimental será coletado urina, sangue e fígado dos animais para posterior dosagens dos corpos cetônicos e dos parâmetros de avaliação do sistema antioxidante hepático (vitamina E, GSH e MDA). (AU)