Busca avançada
Ano de início
Entree

Deposição e caracterização de camadas cerâmicas de hidroxiapatita sobre a liga biomédica Ti-13Nb-13Zr

Processo: 02/04296-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2003
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2004
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Cecilia Amelia de Carvalho Zavaglia
Beneficiário:Douglas Moura Miranda
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Mecânica (FEM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Implantes dentários   Aspersão térmica   Ligas de titânio   Hidroxiapatita

Resumo

Dentre os materiais metálicos utilizados em biomateriais, as ligas de titânio têm as características mais promissoras: boa resistência à corrosão, excelente biocompatibilidade, elevadas resistências à tração e à fadiga, baixo peso e módulo de elasticidade cinco vezes superior ao do osso (enquanto que o valor para outras ligas biomédicas é de cerca de dez vezes). A liga Ti-6Al-4V é a mais utilizada, tendo sido desenvolvida para uso em aeronáutica. Porém, o óxido de vanádio formado sobre a liga é considerado tóxico por muitos pesquisadores e o alumínio um metal não muito bom para o organismo humano; estando relacionado com o aparecimento do mal de Alzheimer. A liga Ti-13Nb-13Zr é uma liga desenvolvida exclusivamente para fins biomédicos, sendo constituída por três elementos metálicos considerados inertes: Ti, Zr e Nb. O objetivo deste trabalho é realizar a deposição e caracterização de camadas de hidroxiapatita sobre essa liga biomédica pela técnica de plasma spray, estudando o processo de aspersão térmica de hidroxiapatita sobre a liga de titânio. Posteriormente, essa técnica poderá ser utilizada na fabricação de implantes dentários e ortopédicos, mais biocompatíveis que os tradicionais. (AU)