Busca avançada
Ano de início
Entree

Influencia do ph de agentes clareadores e da aplicacao de fluor e de calcio na microdureza do esmalte em diferentes intervalos de tempo.

Processo: 06/61477-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2007
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Pesquisador responsável:Alessandra Buhler Borges
Beneficiário:Thais Correa D Avila
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOSJC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Flúor   Clareamento de dente   Cálcio   Esmalte dentário

Resumo

A procura por um tratamento clareador que leve a resultados eficazes e rápidos tem aumentado a procura pela técnica clareadora realizada no consultório odontológico, utilizando géis à base de peróxido de hidrogênio em altas concentrações. No entanto, os efeitos adversos aos tecidos dentais devem ser cuidadosamente avaliados para que seu uso seja seguro. O efeito dos procedimentos clareadores sobre o esmalte dental ainda é controverso e necessita ser elucidado. Os estudos referentes à ação dos agentes clareadores sobre a microdureza do esmalte dental possuem resultados conflitantes. Com base nesses fatos, o objetivo desse estudo será avaliar o efeito do clareamento dental com dois géis de peróxido de hidrogênio a 35% apresentando pH ácido e neutro na microdureza do esmalte. Além disso, será avaliado o efeito da aplicação do gel fluoretado e de gel dê cálcio na microdureza do esmalte clareado. Serão utilizados 70 dentes bovinos, divididos em três grupos, conforme o agente clareador utilizado. O grupo 1 (n=10) não receberá o procedimento clareador, sendo o gruo controle. O grupo 2 será tratado com o gel clareador de pH neutro Total Bleach (n=30), resultante da mistura de dois frascos e o grupo 3, com o gel clareador de pH ácido Opalescence Xtra (n=30) acondicionado em seringa. Os agentes clareadores serão ativados por fonte de luz híbrida LED/Laser. Cada um dos grupos experimentais será subdividido em três grupos de acordo com o tratamento pós-clareamento, sendo: armazenamento em saliva artificial, aplicação de um gel fluoretado e aplicação de um gel contendo cálcio associado ao gel fluoretado. Os espécimes permanecerão armazenados em saliva artificial após 7, 14 e 30 dias para se avaliar o comportamento do esmalte quanto à microdureza. Os dados de microdureza obtidos por meio de um microdurômetro serão submetidos ao teste de Dunnet para se avaliar as condições experimentais em cada tempo, em relação ao grupo controle e à análise de variância de medidas repetidas (RM ANOVA) 3 fatores: agente clareador, tratamento pós-clareamento e tempo, sendo o tempo a variável repetida. (AU)