Busca avançada
Ano de início
Entree

Participação da apelina nas alterações inflamatórias do tecido adiposo na obesidade: um estudo com macrófagos e animais deficientes em apelina

Processo: 09/10852-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 04 de janeiro de 2010
Vigência (Término): 03 de abril de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Bioquímica e Molecular
Pesquisador responsável:Alessandra Gambero
Beneficiário:Alessandra Gambero
Anfitrião: Philippe Valet
Instituição-sede: Pró-Reitoria Acadêmica. Universidade São Francisco (USF). Campus Bragança Paulista. Bragança Paulista , SP, Brasil
Local de pesquisa : Université Paul Sabatier - Toulouse III, França  

Resumo

Apelina é uma adipocitocina que atua em receptores APJ e é regulada pela insulina e pelo fator de necrose tumoral (TNF)-alfa no tecido adiposo. O receptor APJ é também expresso em macrófagos em cultura e obtidos de lavado peritoneal, mas não há relatos científicos da expressão da apelina e do receptor APJ em macrófagos infiltrados no tecido adiposo. Se macrófagos podem ser modulados pelo sistema apelinérgico, isto poderia se refletir no processo inflamatório que se estabelece no tecido adiposo durante a obesidade. Animais modificados geneticamente tem sido uma ferramenta extremamente útil na compreensão do papel das adipocitocinas na inflamação associada ao tecido adiposo. Deste modo, este projeto tem como objetivo estudar a expressão do sistema apelinérgico (apelina/receptor APJ) em macrófagos isolados do tecido adiposo de camundongos normais e obesos, bem como o status inflamatório no tecido adiposo de camundongos normais e em duas linhagens deficientes de apelina que serão mantidas em dieta normal ou hiperlipídica. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.