Busca avançada
Ano de início
Entree

Ultraestrutura dos espermatozoides de Formicidae (Hymenoptera) com aplicações taxonômicas e filogenéticas

Processo: 06/06418-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de setembro de 2007
Vigência (Término): 30 de novembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Karina Carvalho Mancini
Beneficiário:Karina Carvalho Mancini
Anfitrião: Romano Dallai
Instituição-sede: Pessoa Física
Local de pesquisa : Università degli Studi di Siena, Itália  
Assunto(s):Espermatozoides   Filogenia   Formigas

Resumo

A morfologia dos espermatozoides de insetos tem se mostrado nos últimos 30 anos como um importante instrumento taxonômico e filogenético. O conhecimento sobre a morfologia dos espermatozoides em Formicidae ainda é insuficiente. As publicações existentes ficam restritas apenas a 6 gêneros de 2 subfamílias. Durante meu projeto de pós-doutorado foram publicados 1 artigo e 1 capítulo de livro, estão em submissão 2 manuscritos, 5 manuscritos estão em elaboração e foram apresentados 9 resumos em encontros científicos, como resultado da análise de 14 gêneros de 6 subfamílias de formigas. A maioria das vesículas foi processada pelo método de fixação por ácido tânico, desenvolvido pelos Profs. Dallai e Afzelius, representando a melhor técnica de preservação dos espermatozoides de insetos. Além deste método, o Prof. Dallai desenvolve brilhantemente os métodos de freeze fracture, deep-etching e reconstrução tridimensional. O objetivo deste projeto é aprimorar a técnica de fixação por ácido tânico e introduzir métodos novos a descrição dos espermatozoides de Formicidae e Hymenoptera, para que possamos melhorar os resultados, adquirindo novas informações para análises taxonômicas e filogenéticas. Para isso, serão utilizadas vesículas seminais de espécies de formigas coletadas e processadas previamente no Brasil (durante meu pós-doutorado) e espécies a serem coletadas na Itália. (AU)