Busca avançada
Ano de início
Entree

A centralidade do conceito de risco na constituição da subjetividade moderna: o risco no cenário da AIDS

Processo: 97/13515-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de abril de 1998
Vigência (Término): 31 de julho de 1998
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Social
Pesquisador responsável:Mary Jane Paris Spink
Beneficiário:Mary Jane Paris Spink
Anfitrião: John B. Thompson
Instituição-sede: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Social. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Cambridge, Inglaterra  
Assunto(s):Vulnerabilidade em saúde   Riscos   Ética   AIDS

Resumo

O objetivo principal desta pesquisa é entender as transformações que vem ocorrendo nos significados de risco na sociedade contemporânea em busca das possibilidades de produção de sentido sobre práticas sexuais de maior exposição para o HIV - vírus da imunodeficiência humana. Tal foco resulta da confluência de duas áreas de atuação. A primeira, o envolvimento como pesquisadora principal dos aspectos sócio-comportamentais do Projeto Bela Vista (PBV), gerou a familiaridade com a noção de comportamentos de risco - desde sua adoção não problematizada no inicio da epidemia de AIDS à sua eventual crítica. A segunda, decorrente da primeira, foi a imersão na literatura contemporânea nos domínios da teoria cultural e sociologia crítica, em busca de aproximações teóricas que pudessem levar à compreensão das novas reconfigurações dos repertórios sobre risco. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.