Busca avançada
Ano de início
Entree

Crepúsculo DEL mito: hermenêutica y antropologia de la educacion en euskal herria y ameríndia

Processo: 02/13780-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de julho de 2003
Vigência (Término): 30 de setembro de 2003
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação
Pesquisador responsável:Marcos Ferreira Santos
Beneficiário:Marcos Ferreira Santos
Anfitrião: Andrés Ortiz Oses
Instituição-sede: Faculdade de Educação (FE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidad de Deusto, Bilbao, Espanha  
Assunto(s):Filosofia da educação

Resumo

Identificação de traços míticos e configuração simbólica da mitologia vasca e comparação de seus núcleos organizadores (mitemas, mitologemas e estruturas de sensibilidade) com a mitologia ameríndia, em especial, quéchua (andina) e guarani (Brasil), a partir de suas práticas iniciáticas. Para tanto, uma investigação nos quadros de uma hermenêutica simbólica (mitohermenêutica) de cunho antropológico, explicitando as decorrências éticas, inter-culturais e educacionais. As referencias epistemológicas estão fundadas na Escola de Eranos (Gilbert Durand, Andrés Ortiz-Osés, Joseph Campbell, Mircea Eliade), na antropologia personalista (Nikolay Berdyaev, Paul Ricoeur e Emmanuel Mounier) e no tocante ao universo vasco as bases centram-se em D. José Miguel Barandiaran e Andrés Ortiz-Osés. (AU)