Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção de anticorpos de fragmento variável de cadeia única específica a Xylella fastidiosa em Escherichia coli, Nicotiana spp e Citrus sinensis

Processo: 96/03035-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 1996
Vigência (Término): 31 de agosto de 2000
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Ricardo Harakava
Beneficiário:Ricardo Harakava
Supervisor no Exterior: Richard Frank Lee
Instituição-sede: Pessoa Física
Local de pesquisa : Florida State University, Estados Unidos  
Assunto(s):Clorose variegada dos citros   Xylella fastidiosa   Clonagem   Peptídeos

Resumo

A clorose variegada dos citros, causada pela bactéria limitada ao xilema X. fastidiosa, é uma doença grave que já se encontra disseminada pelas principais regiões produtoras de citros do país. Não se constatou até o momento ocorrência de resistência e/ou tolerância a esta doença nas variedades de laranja doce comercialmente utilizada. Diagnósticos através de testes imunoenzimáticos vêm sendo realizados utilizando-se anticorpos policlonais específicos a X. fastidiosa. Visando aprimorar estes testes, anticorpos monoclonais serão produzidos na Universidade da Flórida. A obtenção de hibridomas possibilita o isolamento e clonagem dos genes codificadores dos domínios variáveis das cadeias pesada e leve dos anticorpos específicos à bactéria. Esses genes podem ser associados através de uma sequencia de nucleotídeos que codifica um peptídeo de ligação permitindo que os fragmentos sejam sintetizados covalentemente ligados. Esse produto, denominado anticorpo de fragmento variável de cadeia única ("single-chain Fv antibody"), vem sendo empregado com as mais diversas finalidades. O presente projeto visa produzir anticorpos scFv específicos a X. fastidiosa em E. coli, Nicotiana ssp e C. sinensis e avaliar o efeito destes na proteção de plantas de citros contra a bactéria. (AU)