Busca avançada
Ano de início
Entree

Isolamento e purificação de uma neurotoxina crotoxina "like" do veneno de Crotalus durissus cascavella: caracterização bioquímica e biológica

Processo: 99/10557-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2000
Vigência (Término): 31 de outubro de 2001
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Química de Macromoléculas
Pesquisador responsável:Sergio Marangoni
Beneficiário:Daniela Gois Beghini
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil

Resumo

A subespécie Crotalus durissus cascavella é encontrada no cerrado do nordeste do Brasil. A crotoxina é a principal fração do veneno e é a principal responsável pelos efeitos farmacológicos causados nas vítimas. No caso da Crotalus durissus cascavella a ausência da crotamina, encontrada no veneno da Crotalus durissus terrificus, reforça a importância do estudo dos componentes da crotoxina dessa serpente. Isso indica que a fração crotoxina tem um papel crucial na letalidade e toxicidade do veneno total desta serpente. Portanto, é objetivo deste trabalho a caracterização da crotoxina "like" da Crotalus durissus cascavella bem como fazer a correlação dos resultados bioquímicos e farmacológicos obtidos com a crotoxina da Crotalus durissus terrificus. Estabelecendo desta forma um modelo biológico da crotoxina "like" da Crotalus durissus cascavella, que poderia ser correlacionado com futuros estudos de caracterização estrutural, tanto de estrutura primária bem como de estrutura cristalográfica da crotoxina "like". (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BEGHINI, Daniela Gois. Isolamento e purificação de uma neurotoxina crotoxina do veneno de Crotalus durissus cascavella : caracterização bioquimica e biologica / c Daniela Gois Beghini. 2001. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Biologia.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.