Busca avançada
Ano de início
Entree

Univocidade do ser em Duns Scot: para além da representação lógica, uma ontologia do pensamento

Processo: 92/04010-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de abril de 1993
Vigência (Término): 31 de agosto de 1993
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia - Metafísica
Pesquisador responsável:Francisco Benjamin de Souza Netto
Beneficiário:Luiz Antônio Fuganti
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Ontologia (filosofia)   Analogia   Natureza

Resumo

Determinar a diferença de natureza entre os dois grandes modos de pensar e de ser que emergem explicitamente na Europa de Séc. XIII - metafísicas herdadas pelo ocidente - é o objetivo de nossas pesquisas. As noções de univocidade do ser e suas correlatas - distinção formal-real e o princípio de individuação por hecceidade - no pensamento de Duns Scot são contrapostas as noções de ser análogo e suas correlatas - distinção de razão e diferença numérica - como aparecem no aristotelismo tomista. A primeira via conduz, pela univocidade, a uma ontologia do pensamento; a segunda, a da analogia, mantém o pensamento nos limites da representação lógica. (AU)