Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da participação de PrPC em fenômenos associados a tumorigênese experimental

Processo: 02/05867-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de setembro de 2002
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Vilma Regina Martins
Beneficiário:Angelita Gonzalez Muras
Instituição-sede: Instituto Ludwig de Pesquisa sobre o Câncer (ILPC). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:99/07124-8 - Papel da proteína prion celular em processos fisiológicos e patológicos, AP.TEM

Resumo

A proteína prion celular (PrPc) é isoforma de uma proteína infecciosa conhecida por seu envolvimento em encefalopatias espongiformes e pela possível transmissão para o homem (Prusiner, 1991). Buscando compreender a fisiologia do PrPc, nosso grupo mostrou recentemente que PrPc interage especificamente com laminina (LN) com Kd de 10-8M. O grupo revelou ainda que a interação PrPc-LN é importante na adesão e na neuritogênese de células PC-12 e neurônios de ratos e de camundongos (Graner e cols., 2000a,b). Dada à importância da laminina nos processos tumorais e recentes evidências de que PrPc esteja envolvido no processo de adesão célula-matriz (Graner e cols., 2000a,b) e célula-célula (Mangé e cols.,2002), estudou-se a interação de PrPc-LN em eventos de adesão e migração de células tumorais. Dados do grupo revelaram que células onde a proteína PrPc era bloqueada por anticorpos específicos apresentaram adesão e migração sobre LN diminuídas. Além disso, células tumorais tratadas com os mesmos anticorpos produziram número inferior de colônias pulmonares em ensaios de metástase in vivo, em comparação às mesmas células não tratadas (Moussa, F, 2000). Assim, estudaremos o papel de PrPc em clones de fibroblastos normais (PrP+/+) ou nocautes (PrP0/0) transfectados com os oncogenes ras/myc (tumorais) em ensaios que avaliam transplantabilidade na tumorigênese experimental, invasão , migração, e metástase (colonização pulmonar). (AU)