Busca avançada
Ano de início
Entree

Genotipagem de amostras de vírus da raiva através da análise do polimorfismo do gene N determinado pelas técnicas de RT-PCR e senquenciamento

Processo: 96/07723-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 1996
Vigência (Término): 30 de novembro de 2000
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Leonardo José Richtzenhain
Beneficiário:Marcos Bryan Heinemann
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil

Resumo

A cisticercose bovina constituí-se na presença de forma larvar de Taenia saginata (Cysticercus bovis) no tecido do animal. O diagnóstico de rotina é feito através do exame "pós-mortem", mas apresenta baixa sensibilidade. Atualmente o teste de ELISA tem sido considerado extremamente útil para o diagnóstico da cisticercose bovina. A utilização de antígenos heterólogos apresenta a vantagem de se ter partidas de antígenos homogêneas. A principal desvantagem do ELISA para a cisticercose são as reações cruzadas com outros parasitas. Para tanto, o presente projeto propõem desenvolver um ELISA indireto competitivo, com antígeno heterólogo, onde o anticorpo competidor será uma IgG anti Cysticercus bovis absorvida com antígenos de vários parasitas que apresentam reatividade cruzada. (AU)