Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação da geoestatística na distribuição espacial do nematóide do algodoeiro (Rotylenchulus reniformis Linford & Oliveira, 1940) na cultura do algodoeiro

Processo: 96/12143-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 1997
Vigência (Término): 30 de abril de 1999
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Jose Carlos Barbosa
Beneficiário:Paulo Roberto Silva Farias
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Nematoides   Distribuição espacial   Geoestatística

Resumo

A distribuição de nematóides nos campos é descrita como agregada, o que implica numa dependência espacial nos dados. As estatísticas convencionais geralmente são inadequadas para descrever dados que estão correlacionados espacialmente. A teoria da variável regionalizada, popularmente conhecida como geoestatística, é uma metodologia para análise de dados correlacionados espacialmente. O objetivo deste trabalho será quantificar a dependência espacial nos dados de amostragem de nematoides, usando a modelagem do semi-variograma e krigagem e discutir as implicações na distribuição espacial para elaboração de planos de amostragem usando a Geoestatística. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FARIAS, Paulo Roberto Silva. Distribuição espacial do nematóide reniforme com o uso da geoestatística, em um solo com rotação de culturas. 109 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias. Jaboticabal.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.