Busca avançada
Ano de início
Entree

Danos oxidativos em cultura de células B pancreáticas humanas para o transplante de ilhotas de Langerhans

Processo: 01/06232-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de agosto de 2002
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2006
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Pio Colepicolo Neto
Beneficiário:Adriana Miranda Carvalho
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil

Resumo

As células b produtoras de insulina, presentes nas Ilhotas pancreáticas, apresentam baixos níveis de enzimas antioxidantes. As espécies reativas de oxigênio geradas durante o metabolismo celular aeróbico e em condições nas quais as células b podem ser expostas (isquemia-reperfusão, rejeição imune, exposição à citocinas tóxicas etc.), podem contribuir significativamente para a perda de função e/ou viabilidade de células b transplantadas. Recentemente, foi demonstrado que o transplante de Ilhotas é viável, podendo ser usado com sucesso, para o tratamento dos diabetes. A maior limitação reside na obtenção de um n."adequado de Ilhotas, levando a inúmeros esforços de reprodução ex-vivo das células b. Neste projeto, propõem-se determinar os níveis de oxidação celular e de defesa antioxidante ao longo das etapas de processamento, purificação e cultivo de Ilhotas pancreáticas humanas na presença ou não de elementos de matriz extracelular. Essas etapas antecedem o transplante de Ilhotas, o qual tem se mostrado muito eficiente no tratamento de pacientes portadores de Diabetes Mellitus tipo I e tipo II. Avaliaremos o processo de lipoperoxidação, oxidação de proteínas e de DNA. Ainda, a atividade de enzimas antioxidantes como a glutationa peroxidase e a superóxido dismutase, seus níveis protéicos e isoformas presentes nas células b. Finalmente, avaliaremos o potencial redutor celular através da relação entre os níveis de glutationa reduzida e glutationa oxidada. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa: