Busca avançada
Ano de início
Entree

Campos magnéticos, rotação e ondas MHD nas explosões de novas e supernovas tipo II

Processo: 93/03029-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 1993
Vigência (Término): 30 de abril de 1998
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Astrofísica Estelar
Pesquisador responsável:Reuven Opher
Beneficiário:Luis Carlos Yamamoto
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil

Resumo

Existem sérios problemas para se entender as explosões de novas. A luminosidade integrada das novas implica em um envelope de massa ~ 10-6MΘ, porém, envelopes de ~ 10-4MΘ, são exigidos para iniciar o thermal nuclear runaway. Cálculos teóricos, até agora, também, têm dificuldades em explicar explosões de supernovas tipo II. A pressão da onda de choque e a radiação neutrinos têm dificuldade em impulsionar o envelope da estrela e criar uma supernova. Em ambos os casos, os campos magnéticos, rotação e ondas MHD devem ser importantes na explosão. Desta maneira, vamos estudar a influência de campos magnéticos, rotação e ondas MHD nas explosões de novas e supernovas tipo II. (AU)