Busca avançada
Ano de início
Entree

Teorias de campos quânticos: os campos de Gauge

Processo: 98/01458-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 1998
Vigência (Término): 31 de maio de 2002
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Alfredo Takashi Suzuki
Beneficiário:Ricardo Martin Bentin Zacarias
Instituição-sede: Instituto de Física Teórica (IFT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São Paulo. São Paulo , SP, Brasil

Resumo

Em teorias de campos, a causalidade é entendida como fundamental na descrição de quaisquer processos físicos. Entretanto, há situações em que este princípio pode estar sendo violado pela manifestação dos chamados polos espúrios no caso das teorias de gauge não covariantes, caso específico do cone de luz. Entretanto, nos cálculos práticos, tanto o uso das prescrições, quanto a correta implementação do princípio de causalidade-que toma desnecessária a prescrição é realizada à mão, isto é, a uma dada altura do processo computacional é preciso introduzir "manualmente" o relevante princípio, ou usar das prescrições. A pergunta que se faz imediatamente é: Existe algum procedimento que incorpore naturalment o princípio da causalidade no cálculo das integrais de Feynman? Em outras palavras, existe algum método de cálculo que nos dispense de estarmos preocupados quanto a se estamos ou não violando a causalidade? Estas são questões em aberto que gostaríamos de abordar em nosso projeto de pesquisa. (AU)