Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo comparativo/equivalente de formalismos para sistemas singulares

Processo: 99/09091-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2000
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2002
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Bruto Max Pimentel Escobar
Beneficiário:Cássius Anderson Miquele de Melo
Instituição-sede: Instituto de Física Teórica (IFT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Formalismo de Keldysh   Formalismo de Dirac   Variedades simpléticas   Teoria de Gauge

Resumo

Sistemas invariantes de gauge tornaram-se e continuam sendo a base teórica para descrever as leis fundamentais da Natureza; como exemplos temos QED4, GR, Modelo de W-S, QCD, etc. Por outro lado, sistemas invariantes de gauge são teorias com vínculos não triviais entre os graus de liberdade, razão esta que torna difícil quantizá-los, aparecendo inclusive, em algumas situações, ambigüidades. Decorre deste fato a importância de compreender a dinâmica de sistemas vinculados. No estudo tanto clássico quanto quântico, várias abordagens existem: à la Dirac, Schwinger, Simplética, H-J, Integração Funcional, etc. Cada uma dessas abordagens tem suas virtudes e vicissitudes e, assim, existem preferências, além de questionamentos. Nosso objetivo primeiro é realizar um estudo comparativo/equivalência dos Métodos de quantização à la Schwinger, Dirac e simplética; em havendo tempo, analisaremos o problema de quantização pela ótica de Estados Coherentes. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MELO, Cássius Anderson Miquele de. Princípio variacional de Schwinger e teoria quântica - aplicações à mecânica quântica quaterniônica e ao estudo de sistemas singulares. 2002. 183 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista. Instituto de Física Teórica. São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.