Busca avançada
Ano de início
Entree

As relações Brasil/África do Sul: ambiguidades e interesses

Processo: 92/01618-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 1992
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 1993
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Ciência Política - Política Internacional
Pesquisador responsável:shiguenoli miyamoto
Beneficiário:Paulo César Souza Manduca
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):África do Sul   Apartheid   Descolonização   Política externa   Pragmatismo

Resumo

Este projeto visa analisar as relações Brasil/África do Sul, nas décadas de 60 e 70. Este período foi marcado pela descolonização da maioria dos países africanos, bem como, pela emergência do conflito entre esses países - emancipados ou em vias de emancipação - e a África do Sul. Os dois pontos desse conflito são: a intervenção do Governo de Pretória em Angola, Namíbia e Moçambique e o Apartheid na África do Sul. Em função dos amplos interesses do Brasil naquele continente, a política externa brasileira apresenta um caráter ambíguo, frente às questões africanas. Este projeto busca entender esse comportamento e os condicionantes, internos e externos que moldaram a política externa brasileira no período. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MANDUCA, Paulo César Souza. As relações Brasil-Africa do Sul. 1995. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.