Busca avançada
Ano de início
Entree

Contribuição dos mediadores inflamatórios na gênese e manutenção da hiperalgesia persistente induzida por estreptozotocina

Processo: 00/10258-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2001
Vigência (Término): 31 de março de 2004
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Geral
Pesquisador responsável:Sérgio Henrique Ferreira
Beneficiário:Joice Maria da Cunha
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil

Resumo

A neuropatia acomete a maioria dos diabéticos e geralmente é acompanhada de hiperalgesia. O mecanismo patológico envolvido nesse processo ainda é desconhecido, não existindo, por conseguinte, tratamentos efetivos. Com o objetivo de investigar a mediação periférica desse processo, utilizamos previamente a estreptozotocina (STZ) como agente indutor de diabetes. A administração i.v. de STZ (10-40 mg/Kg) induziu hiperalgesia em patas de ratos de maneira dose dependente, a qual instala-se 19 após o tratamento com STZ e persiste até 35 dias. Somente a maior dose de STZ induziu hiperglicemia. Esse processo não foi revertido pelo tratamento único com antiinflamatórios não esteroidais, antagonista beta adrenérgico, inibidores da síntese de citocinas ou analgésicos dependentes de óxido nítrico (NO), nem com a reposição de insulina. Esses dados indicam que a STZ induz hiperalgesia persistente que independe da hiperglicemia contradizendo dados da literatura que associam esse processo ao quadro hiperglicêmico. Os objetivos desse projeto são investigar a contribuição de alguns mediadores inflamatórios como bradicinina, fator de crescimento neural, endotelina e glutamato, além de elucidar a real contribuição das prostaglandinas, aminas simpatomiméticas, citocinas e NO uma vez que, em processos patológicos, esses mediadores podem ser liberados continuamente. Pretendemos investigar os mecanismos intracelulares envolvidos, como a ativação das proteínas quinases A e C. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CUNHA, J. M.; FUNEZ, M. I.; CUNHA, F. Q.; PARADA, C. A.; FERREIRA, S. H. Streptozotocin-induced mechanical hypernociception is not dependent on hyperglycemia. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 42, n. 2, p. 197-206, FEB 2009. Citações Web of Science: 21.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
Contribuição de mediadores inflamatórios na hipernocicepção mecânica induzida por estreptozotocina. 2004. 150 f. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.