Busca avançada
Ano de início
Entree

Além de açoites e correntes: escravos e libertos em Cotia colonial (1790 - 1810)

Processo: 97/10055-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 1997
Vigência (Término): 30 de novembro de 1999
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História Antiga e Medieval
Pesquisador responsável:Mary Lucy Murray Del Priore
Beneficiário:Fabiana Schleumer
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Escravidão   Sociedade colonial   Negros

Resumo

Com o objetivo de estudar os processos de estruturação (contração, reprodução, manutenção) e de esfacelamento da família negra na freguesia de Cotia de 1790 a 1810 serão analisados com base na perspectiva de História Social, os registros paroquiais envolvendo cativos e libertos localizados no Arquivo da Cúria Metropolitana de São Paulo e as listas nominativas referentes aos anos de 1798, 1807, 1808, 1809 e 1810 localizadas no Arquivo do Estado de São Paulo. Busca-se identificar a mobilidade sócio-econômica dos integrantes da sociedade colonial, tais como: agregados, negros forros, homens livres pobres e escravos, com especial atenção a sua vida familiar e, desta forma, compreender qual a posição da família negra na organização social e qual papel representava no sistema econômico. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.