Busca avançada
Ano de início
Entree

Extração líquido-líquido de xilose redutase por micela reversa

Processo: 97/13189-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 1998
Vigência (Término): 31 de março de 2002
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Michele Vitolo
Beneficiário:Ely Vieira Cortez
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Extração líquido-líquido   Micelas reversas   Xilitol   Xilose   Reatores biológicos   Candida

Resumo

A separação da xilose redutase (XR), enzima que atua na conversão de xilose a xilitol, será estudada empregando a extração líquido-líquido por micela reversa. Para a produção da enzima será empregada a levedura Candida guilliermondii FTI 20037, cultivada em hidrolisado de bagaço de cana-de-açúcar como substrato. Serão utilizados os agentes tensoativos BDBAC, CTAB e AOT para a extração por micela reversa. Com os planejamentos estatísticos serão determinadas as influências exercidas pelo pH, temperatura, co-solvente (para o BDBAC) e condutância elétrica na extração por micela reversa para cada tensoativo empregado. Será utilizado como variável resposta a relação entre a atividade da enzima xilose redutase e a enzima xilitol desidrogenase, objetivando a separação entre as mesmas, visto que a última é prejudicial à obtenção do xilitol. Serão realizados estudos eletroforéticos para determinar o ponto isoelétrico (pl) e massa molar (M) da enzima extraída, bem como estudos cinéticos para determinação das constantes cinéticas da XR e avaliar os efeitos da temperatura e do pH sobre a atividade da enzima. (AU)