Busca avançada
Ano de início
Entree

A crítica de Averroes à distinção entre essência e existência de Avicena

Processo: 00/00347-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2000
Vigência (Término): 09 de abril de 2002
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia - História da Filosofia
Pesquisador responsável:Carlos Arthur Ribeiro Do Nascimento
Beneficiário:Tadeu Mazzola Verza
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Essência   Existência   Metafísica

Resumo

A distinção aviceniana entre essência e existência, considerando esta um acidente daquela, é um marco na história da filosofia. Apesar de encontrar suas bases em Alfarabi, foi Avicena quem lhe deu refinamento e sustentação conceitual. Averroes como aristotélico (muitas vezes recebendo a alcunha de "aristotélico ortodoxo" por parte de seus estudiosos), não podia ficar impassível frente a essa distinção. Afinal, havia aprendido do Filósofo que o ser e a substância são um. O que este projeto propõe é analisar as críticas formuladas por Averroes contra Avicena no tocante à distinção entre essência e existência, comparando ás duas metafísicas e mostrando os motivos que levaram à rejeição da distinção por parte de Averroes. A questão em si não se limita à distinção, pois a crítica a ela está intimamente relacionada à doutrina do necessário e do contingente, bem como aos limites entre o pensamento filosófico e o teológico na filosofia islâmica. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
VERZA, Tadeu Mazzola. A discussão (mas'ala) acerca da pré-eternidade do mundo no Tahafut al-tahafut de Averróis. 2004. 281 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas Campinas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.