Busca avançada
Ano de início
Entree

Epilepsia e insultos vasculares focais pré- e perinatais: características clínicas, eletrencefalográficas e de ressonância magnética

Processo: 98/13101-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 1999
Vigência (Término): 31 de março de 2003
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Fernando Cendes
Beneficiário:Ricardo Afonso Teixeira
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Epilepsia

Resumo

Pacientes que sofreram insultos vasculares focais em fase precoce do desenvolvimento freqüentemente apresentam epilepsia ao longo da vida, muitas vezes resistente à terapia medicamentosa. A investigação de eventos pré- e perinatais nem sempre é capaz de identificar possíveis fatores causais. A associação de outras lesões estruturais discretas na proximidade ou à distância da lesão mais óbvia (cística ou atrófica) já é bem conhecida através de estudos anátomo-patológicos, e provavelmente compartilham de uma mesma patogenia. A ressonância magnética (RM) revolucionou a avaliação destes pacientes, pois proporciona o diagnóstico in vivo destas "outras" lesões, particularmente a atrofia de estruturas mediais do lobo temporal. Esses pacientes apresentam crises parciais com ou sem generalização secundária, cujas características semiológicas e eletrencefalográficas têm sido pouco exploradas na literatura. A angiografia por ressonância magnética (angio-RM) permite uma avaliação não invasiva da circulação cerebral e pode ter valor prognóstico nestes pacientes. Os objetivos específicos deste projeto são. a) Identificar fatores de risco relacionados a insultos vasculares em fase precoce do desenvolvimento; b) Correlacionar tipo e freqüência de crises com os resultados da análise qualitativa e quantitativa da RM; c) Determinar a presença e o grau de atrofia de estruturas mediais do lobo temporal nos pacientes com lesões císticas e atróficas, e) Analisar os padrões de anormalidades do EEG e correlacioná-los com as alterações na RM, f) Caracterizar as alterações na angio-RM e correlacioná-las com a RM, EEG, e os dados clínicos mencionados acima; h) Analisar fatores prognósticos da terapia cirúrgica. O estudo que estamos propondo ajudará na melhor caracterização da patogênese, dos aspectos clínicos, eletrencefalográficos e de imagem dos insultos vasculares focais ocorridos nos períodos pré- e perinatais e que cursam com epilepsia. Além disso, analisaremos com mais precisão quais os pacientes que se beneficiariam da cirurgia para controle das crises epilépticas com a perspectiva de oferecer uma opção terapêutica para alguns daqueles considerados intratáveis. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RICARDO A. TEIXEIRA; LI M. LI; SERGIO L.M. SANTOS; BÁRBARA J. AMORIM; ELBA C.S.C. ETCHEBEHERE; VERÔNICA A. ZANARDI; CARLOS A.M. GUERREIRO; FERNANDO CENDES. Laterization of epileptiform discharges in patients with epilepsy and precocious destructive brain insults. Arquivos de Neuro-Psiquiatria, v. 62, n. 1, p. -, Mar. 2004.
TEIXEIRA‚ R.A.; LI‚ L.M.; SANTOS‚ S.L.M.; ZANARDI‚ V.A.; HONORATO‚ D.C.; GUERREIRO‚ C.A.M.; CENDES‚ F. Early development destructive brain lesions and their relationship to epilepsy and hippocampal damage. BRAIN & DEVELOPMENT, v. 25, n. 8, p. 560-570, 2003.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
TEIXEIRA, Ricardo Afonso. Insultos cerebrais destrutivos em fases precoces do desenvolvimento e epilepsia: características clínicas, eletrencefalográficas e de ressonância magnética em 51 pacientes. 2003. 229 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Ciências Médicas Campinas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.