Busca avançada
Ano de início
Entree

Depois do meio ambiente: a apropriação do ambientalismo por moradores de uma unidade de conservação

Processo: 00/02323-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2000
Vigência (Término): 30 de abril de 2002
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Antropologia Rural
Pesquisador responsável:Mauro William Barbosa de Almeida
Beneficiário:Allan Rodrigo Arantes Monteiro
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:97/14514-1 - Floresta e mar: usos e conflitos no Vale do Ribeira e Litoral Sul do estado de São Paulo, AP.TEM
Assunto(s):Áreas de conservação   Conservação dos recursos naturais   Conflito social   Representações sociais   Participação social   Participação da comunidade   Vale do Ribeira (SP)

Resumo

Nesse projeto pretendo estudar a apropriação do discurso ambientalista por parte de moradores da Estação Ecológica Juréia-Itatins e a maneira como essa apropriação é refletida e incorporada nas diversas práticas cotidianas desses atores sociais. Busco, assim, uma compreensão do significado conferido pelos moradores ao processo restritivo pelo qual vêm passando desde a criação dessa unidade de conservação, além de dar voz a essa categoria social que tem se mantido à margem do processo de tomada de decisões que afeta o território por ela habitado. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MONTEIRO, Allan Rodrigo Arantes. Depois do meio ambiente: mudança social em uma unidade de conservação ambiental. 2002. 250 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas Campinas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.