Busca avançada
Ano de início
Entree

Expressão, purificação e cristalização da enzima glicosiltransferase I envolvida na biossíntese de goma xilelana produzida pela bactéria Xylella fastidiosa

Processo: 99/11837-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2000
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Biofísica Molecular
Pesquisador responsável:Glaucius Oliva
Beneficiário:Celina de Pieri
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Expressão de proteínas   Purificação de proteínas   Xylella fastidiosa   Cristalografia de proteínas   Glicosiltransferases

Resumo

A análise de um fragmento de DNA de aproximadamente 12 Kb do cosmídeo 7A2 do Projeto Genoma da Xylella fastidiosa, revelou a presença de um operon Gum de Xanthomonas campestris. O operon Gum da X. campestris codifica as enzimas responsáveis para a biosíntese da goma xantana, envolvida em patogenicidade. Recentes estudos mostraram que a deleção do gene GumD da X. campestris reduziu a virulência da bactéria na planta. Portanto, é possível que a X. fastidiosa quando introduzida no xilema da planta produza um exopolissacarídeo que leva à oclusão dos canais causando a clorose variegada de citros ( CVC) . Neste projeto, a enzima codificada pelo gene gumD será expressa, purificada e cristalizada, com o objetivo de determinar-se sua estrutura tridimensional. As informações estruturais poderão ser úteis no planejamento de moléculas inibidoras da via biosintética da goma xilelana com o objetivo de bloquear a doença nas plantas (CVC). (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
PIERI, Celina de. Expressão, purificação e caracterização das enzimas Gum D e Gum C envolvidas na biossíntese do exopolissacarídeo produzido pela bactéria Xylella fastidiosa. 2002. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Física de São Carlos São Carlos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.