Busca avançada
Ano de início
Entree

Principios, teoremas e limites assintoticos no estudo de interacoes hadronicos a altas energias.

Processo: 00/13490-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2001
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2003
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Marcio José Menon
Beneficiário:Regina Fonseca Ávila
Instituição-sede: Instituto de Física Gleb Wataghin (IFGW). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Física de alta energia

Resumo

Para o espalhamento elástico de hádrons a altas energias, objetiva-se um estudo sobre os teoremas e limites assintóticos relacionados com o espalhamento de hádrons a altas energias, deduzidos a partir da teoria axiomática de campos e das conexões desses teoremas e limites com os princípios de unitaridade, analiticidade e cruzamento (regra de substituição). Em particular, objetiva-se testes a respeito de limites polinomiais e relações de dispersão (integrais e diferenciais) utilizando-se dados experimentais de espalhamentos elásticos próton-próton e antipróton-próton nas mais altas energias. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
AVILA‚ RF; LUNA‚ EGS; MENON‚ MJ. Analytic models and forward scattering from accelerator to cosmic-ray energies. Physical Review D, v. 67, n. 5, p. 054020, 2003.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ÁVILA, Regina Fonseca. Principios, teoremas e limites assintoticos no estudo de interações hadronicas a altas energias. 2003. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Matematica, Estatistica e Computação Cientifica.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.