Busca avançada
Ano de início
Entree

Santos a cidade de Moscou: o Movimento Operário Santista durante a Era Vargas ( 1930-1954)

Processo: 01/11407-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2002
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2004
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História do Brasil
Pesquisador responsável:Maria Luiza Tucci Carneiro
Beneficiário:Rodrigo Rodrigues Tavares
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:99/09216-7 - Projeto integrado arquivo/universidade: inventário acervo DEOPS, AP.TEM
Assunto(s):Movimento operário   Resistência ao governo   Trabalhadores   Santos (SP)   Era Vargas   Polícia política   Departamento Estadual de Ordem Política e Social (DEOPS)

Resumo

Este projeto tem como proposta estudar o movimento operário na cidade de Santos, tendo em vista a importância desse município para o PCB e para as elites dominantes durante o governo Vargas (1930 a 1954), período em que o discurso oficial se voltou para a cooptação das massas populares urbanas. A cidade de Santos foi um lócus privilegiado do conflito entre o Estado nacionalista e autoritário de Vargas e a resistência dos trabalhadores porque o Estado pós 30 ao tentar conciliar os interesses das elites dominantes precisava que o porto continuasse exportando o café da oligarquia e importando os insumos industriais para a burguesia, o que demandava garantir a ordem ou conseguir o apoio dos trabalhadores (especialmente dos ferroviários e portuários) de uma cidade cuja combatividade dos operários relegaram a ela 6 epíteto de Barcelona brasileira, Moscouzinha, entre outros. (AU)