Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação e caracterização da adesina responsável pelo padrão de adesão agregativa em uma amostra de "Escherichia coli" envolvida em infecção urinária

Processo: 00/07145-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2000
Vigência (Término): 31 de agosto de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Tânia Aparecida Tardelli Gomes do Amaral
Beneficiário:Fábia Andréia Salvador Silva
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Virulência   Adesinas bacterianas

Resumo

Verificamos, em estudo anterior, que algumas amostras de E. coli uropatogênica (UPEC) produzem adesão agregativa (AA) em células Hela, característica esta que identifica um patotipo de E. coli enteropatogênica, E. coli enteroagregativa (EAEC). Entretanto, algumas EAECs, como a protótipo 17-2, não provocam diarréia em voluntários. Nessa amostra, uma fimbria (AAF/I) é responsável pelo padrão AA. Observamos, recentemente, que embora em algumas amostras de UPEC produtoras de AA o operon de AAF/I tenha sido detectado, na maioria das demais amostras, a adesina responsável por AA é desconhecida. Este estudo pretende identificar e caracterizar a adesina responsável por AA em uma amostra de UPEC selecionada, desprovida de AAF/I. (AU)