Busca avançada
Ano de início
Entree

Compostos luminescentes em vitrocerâmicas de sílica

Processo: 97/14621-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 1998
Vigência (Término): 31 de julho de 2001
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Pesquisador responsável:Marian Rosaly Davolos
Beneficiário:Fernando Aparecido Sigoli
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Terras raras   Vitrocerâmica   Luminescência   Sílica

Resumo

O objetivo deste plano de trabalho é produzir vitrocerâmicas de sílica (matrizes) com porosidade controlada a partir de tratamento solvotérmico de vidros comerciais do tipo Pirex® com aproximadamente 80 % em sílica. A estrutura porosa obtida será utilizada como reagente e/ou suporte na obtenção de nanocompostos luminescentes constituídos por íons da primeira série de transição e lantanídios. Estes nanocompostos serão obtidos via incorporação de complexos e/ou através de reações destes mesmos complexos com a sílica previamente funcionalizada. Estes complexos serão termicamente decompostos, após incorporação para a obtenção dos respectivos óxidos, oxissulfetos, silicatos ou sulfetos-silicatos luminescentes, visando assim avaliar o desempenho dos mesmos como dispositivos em aplicações ópticas. As propriedades espectroscópicas e estruturais serão investigadas entre outras pelas seguintes técnicas: espectroscopia de luminescência, espectroscopia vibracional de absorção na região do infravermelho, análise de Isotermas de absorção e dessorção de hélio, análise termogravimétricas, espectroscopia de absorção na região do UV-Vis, microscopias eletrônicas de varredura e de transmissão e absorção atômica. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SIGOLI, Fernando Aparecido. Compostos luminescentes em matrizes macroporosas de sílica obtidas por tratamento hidrotérmico a partir de vidro pyrex. 2001. 182 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Quimica. Araraquara.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.