Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito combinado de bacteriocina produzida por Lactobacillus sake 2ª e embalagem em atmosfera modificada no controle de Listeria Monocytogenes em linguiça frescal refrigerada

Processo: 99/05660-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 1999
Vigência (Término): 30 de setembro de 2001
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Bernadette Dora Gombossy de Melo Franco
Beneficiário:Alcina Maria Liserre
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Listeria monocytogenes   Atmosfera modificada   Bacteriocinas

Resumo

Listeria monocytogenes cm produtos cárneos representa um sério risco à saude, pois este microrganismo sobrevive e se prolifera ativamente em temperaturas de refrigeração. Martinis e Franco (1997,1998) demonstraram que a multiplicação de L. monocytogenes em lingüiça de porco podia ser controlada por uma linhagem de Lactobacillus sake (L. sake 2a). Esses autores demonstraram que a atividade inibitória ocorreu devido à produção de um ou mais compostos de natureza protéica caracterizados como bacteriocinas. A inibição devido a peróxido de hidrogênio, ácidos orgânicos e bacteriófagos foi descartada. O objetivo do presente estudo é verificar a atividade de L. sake 2a e de sua(s) bacteriocina(s) sobre L. monocytogenes em lingüiça frescal embalada em atmosfera modificada, verificando-se seu efeito como bioconservador. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LISERRE‚ A.M.; LANDGRAF‚ M.; DESTRO‚ M.T.; FRANCO‚ B.D.G.M. Inhibition of Listeria monocytogenes by a bacteriocinogenic Lactobacillus sake strain in modified atmosphere-packaged Brazilian sausage. MEAT SCIENCE, v. 61, n. 4, p. 449-455, 2002.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.