Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização das transcriptomas do fungo Trichoderma reesei através da análise seriada da expressão gênica (SAGE)

Processo: 02/04908-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de julho de 2002
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2006
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Hamza Fahmi Ali El-Dorry
Beneficiário:Erik Cendel Saenz Tejada
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:97/05267-0 - A sinalização da expressão gênica em eucariotos por carboidrato: celulose e glicose e seus papéis na expressão do sistema celulolítico em microrganismos, AP.TEM
Assunto(s):Análise serial da expressão gênica (SAGE)   Trichoderma reesei

Resumo

A evolução tem produzido diversas vias metabólicas e mecanismos regulatórios que refletem a adaptação de uma imensa variedade de microrganismos frente a diferentes ambientes e necessidades nutricionais. O estudo da expressão gênica global em nível transcricional é importante para que se possa analisar as alterações metabólicas necessárias para acompanhar os processos biológicos distantes, bem como entender o controle da regulação das vias metabólicas entre os diferentes organismos. Neste estudo usaremos como sistema modelo um microrganismo multicelular, o fungo filamentoso Trichoderma reesei. T. reesei é um microrganismo que vem sendo utilizado por vários laboratórios em todo o mundo para o estudo dos diversos processos biológicos básicos, devido à sua grande importância biotecnológica. Recentemente, estabelecemos um banco de dados de ESTs (Expressed Sequence Tags) para, este microrganismo e, através da técnica de "cDNA microarray", determinamos o controle metabólico da rede da glicólise, do ciclo de TCA e o "pyruvate bypass". Gostaríamos de complementar aquela iniciativa através da análise da expressão gênica global, utilizando a técnica de SAGE, de tal forma que possamos analisar o controle metabólico em resposta às seguintes condições metabólicas: variações na disponibilidade de glicose, de aminoácidos e de oxigênio. Tal estudo é necessário para o entendimento, em nível transcricional, do controle da rede metabólica desse microrganismo multicelular. (AU)