Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da atividade antioxidante de carotenóides em membranas biológicas de algas marinhas.

Processo: 02/01140-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de agosto de 2002
Vigência (Término): 31 de março de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:Pio Colepicolo Neto
Beneficiário:Ana Maria Pereira Neto
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:97/02291-8 - Aspectos biológicos do desenvolvimento de dinoflagelados marinhos: efeitos de metais poluentes sobre a estrutura celular e expressão de proteínas, AP.TEM
Assunto(s):Algas marinhas   Antioxidantes   Carotenoides   Espécies de oxigênio reativas   Lipossomos   Metais pesados

Resumo

Neste projeto estaremos isolando e caracterizando os carotenóides de micro e macroalgas submetidas a metais pesados. Para tanto, as algas marinhas (tais como Minutocellus polymorphus, Tetraselmis gracilis, Pyrocystis lunula, Gracilaria tenuistipitata e Kappaphycus alvarezii) serão tratadas com metais pesados (Hg2+, Cd2+, Pb2+ e Cu2+) em condições adequadas e, através de técnicas cromatográficas (colunas de sílica, Chromatotron e HPLC preparativo), espectroscópicas (Ressonância Magnética Nuclear, RMN, Infravermelho, IV) e espectrométricas (Espectrometria de massa, EM), os carotenóides serão isolados e caracterizados. Pretende-se quantificar os níveis de carotenóides e determinar sua ação antioxidante (dos mais abundantes), que será avaliada em modelos de membranas cloroplásticas e mitocondriais. Para isto, lipossomos unilamelares serão confeccionados com carotenóides inseridos na membrana e confrontados com situações de estresse oxidativo, por exemplo, peroxidação lipídica induzida. Com esta série de experimentos avaliaremos os papéis dos carotenóides na organização dos cloroplastos nestas algas focalizando a sua função protetora contra os danos oxidativos nos lipídeos gerados durante a fotossíntese e provocados na presença de metais poluentes. (AU)