Busca avançada
Ano de início
Entree

Influencia da melatonina sobre alteracoes vasculares na inflamacao aguda.

Processo: 98/05884-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 1998
Vigência (Término): 30 de setembro de 2000
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Geral
Pesquisador responsável:Regina Pekelmann Markus
Beneficiário:Celina Monteiro da Cruz Lotufo
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Melatonina   Inflamação aguda   Microcirculação   Células endoteliais

Resumo

A melatonina tem efeito antiinflamatório tanto em processos inflamatórios agudos quanto crônicos. Em processos crônicos foi verificado que a melatonina diminui a espessura da lesão e a permeabilidade vascular (Lopes e col., 1997). Em processos agudos ocorre diminuição de edema, da formação de exsudato, da infiltração de células mononucleares e da lesão tecidual (Cuzzocrea e col. 1997). A micro-circulação tem um papel fundamental no processo de inflamação, sendo que nesta ocorrem os fenômenos de vaso-constrição seguida de vasoconstricção seguindo de vasodilatação arteriolar, aumento de permeabilidade vascular e migração de leucócitos de vênulas pós-capilares para o tecido inflamado (Brain. 1994). O presente projeto têm como objetivo uma melhor compreensão da ação da melatonina no processo de inflamação aguda, avaliando, na micro-circulação, o papel da melatonina sobre a permeabilidade vascular, "rolling" e adesão de leucócitos à parede vascular e também estudando a atividade de células endoteliais em cultura. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa: