Busca avançada
Ano de início
Entree

Expressão e avaliação das proteínas LipL32(HAT-1) e HlyX de Leptospira interrogans serovar Copenhageni como possíveis agentes vacinais contra a leptospirose

Processo: 03/10027-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2004
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2006
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Paulo Lee Ho
Beneficiário:Pricila Hauk
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Vacinas   Proteínas   Leptospirose

Resumo

A leptospirose é uma doença humana e veterinária presente em diversas partes do mundo. O rápido crescimento populacional, aumento de favelas, enchentes e a falta de saneamento básico têm produzido condições para a proliferação de roedores, vetores de transmissão urbana da leptospirose. O genoma da Leptospira interrogans serovar Copenhageni foi seqüenciado pelo Consórcio AEG-Agronomical & Environmental Genomes/ONSA/FAPESP sob a coordenação geral da Dra. Ana Lúcia Tabet Oller do Nascimento (Centro de Biotecnologia do Instituto Butantan). As espécies patogênicas de Leptospira possuem um número de proteínas-antígeno, que são expressas durante a infecção e tornam-se alvo de resposta imune no hospedeiro (Guerreiro et al. 2001). O projeto pretende expressar em E. coli as proteínas LipL32(HAT-1) e HlyX, identificadas a partir da seqüência do genoma de Leptospira interrogans serovar Copenhageni e avaliar o seu potencial antigênico e vacinal. (AU)